Militar mata ex-mulher em Santos Dumont e foge com a filha

Crime aconteceu na noite deste sábado no bairro Córrego do Ouro

Mais um crime hediondo chocou a cidade de Santos Dumont, a cerca de 40 quilômetros de Barbacena, na noite deste sábado, 14. O policial militar Gilberto Ferreira Novaes, 35 anos, lotado no 29º Batalhão de Polícia Militar na cidade de Poços de Caldas, sul de Minas, disparou vários tiros na ex-mulher Sthefania Parenti Ferreira Novaes, 29, e fugiu com a filha do casal, de 4 anos de idade, em um Fiat Palio de cor cinza escuro, placa GWK-1390, que teria pego emprestado com um amigo. Sthefania não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O crime aconteceu na casa da vítima, na avenida Palmira, bairro Córrego do Ouro (foto). De acordo com informações, Gilberto, que é soldado, estaria afastado das funções por problemas psicológicos e o assassinato pode ter sido cometido porque ele não teria aceitado do fim do relacionamento. Há relatos também de que Sthefania já vinha sofrendo ameaças do ex-marido e que já teria, inclusive, registrado vários boletins de ocorrência na Polícia Militar (PM).

O atual namorado de Sthefania, Eduardo de Souza Evangelista, estava no local na hora do homicídio. Ele disse que eles haviam pedido um lanche pelo telefone e quando o motoboy buzinou para fazer a entrega do lanche, ele abriu o portão e foi surpeendido por Gilberto, que saiu de dentro do Palio armado, o ameaçou, subiu as escadas que dá acesso à residência e atirou em Sthefania. Eduardo declarou ainda que subiu as escadas atrás de Gilberto, mas quando ouviu os tiros voltou e se abrigou atrás de um poste na rua.

Ainda de acordo com o namorado da vítima, após atirar na ex-mulher, Gilberto desceu com a filha no colo e entrou no carro. Ele afirmou que tentou retirar a menor do veículo, mas a todo instante era ameaçado pelo ex-marido de Sthefania, que estava com a arma na mão.

A polícia está à procura do assassino, que fugiu em direção ao bairro Ponte Preta com a filha e pode ter seguido para a BR-040 e viajado sentido Juiz de Fora ou Barbacena. Até o fechamento desta matéria, Gilberto e a filha ainda não haviam sido encontrados. Os batalhões da PM de Barbacena e Juiz de Fora e as polícias rodoviárias Estadual e Federal já foram avisadas. A qualquer momento o assassino da ex-mulher e sequestrador da filha pode ser localizado e preso.

Sthefania Ferreira foi morta pelo ex-marido com vários tiros (Foto: Reprodução Facebook)
O assassino, Gilberto Novaes, fugiu com a filha do casal de 4 anos de idade (Foto: Facebook)
Total Page Visits: 1990 - Today Page Visits: 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *