Carro com a família do ex-goleiro e atual técnico da equipe Sub-20 do Fluminense cai de viaduto na BR-040, em Santos Dumont

Ex-jogador viajava com a mulher e os três filhos quando perdeu o controle do veículo e despencou de uma altura de 23 metros; a filha mais nova não resistiu e morreu

Um grave acidente ocorrido na tarde deste sábado, 16, na altura do Km 743 da BR-040 deixou quatro pessoas gravemente feridas e uma criança morta. O acidente ocorreu por volta das 16 horas, quando o carro em que viajava o ex-goleiro e atual técnico da equipe Sub-20 do Fluminense do Rio de Janeiro, o uruguaio Leo Percovich, de 49 anos, que atuou também pelo Atlético Mineiro, despencou do viaduto que passa sobre o Bairro da Glória, em Santos Dumont, caindo de uma altura aproximada de 23 metros. Percovich viajava com a esposa e os três filhos sentido Barbacena e ainda não se sabe o motivo do acidente. De acordo com informações, o ex-jogador guiava o veículo quando perdeu o controle da direção, derrubou a mureta de proteção e caiu do viaduto.

Moradores do Bairro da Glória prestaram os primeiros socorros à família até que as ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) chegassem ao local. Veículos da Via-040, responsável pela rodovia e equipes do Corpo de Bombeiros também ajudaram no resgate. As cinco vítimas foram levadas para o Hospital Municipal de Santos Dumont, mas a filha mais nova de Percovich não resistiu aos ferimentos e morreu. Logo depois a família foi transferida para hospitais de Juiz de Fora, a cerca de 40 quilômetros do local do acidente. Os outros dois filhos do ex-goleiro e treinador apresentavam estado crítico e foram internados no CTI da Santa Casa de Juiz de Fora. Segundo informações, as duas crianças e o pai precisaram ser reanimados e entubados pela equipe médica.

O  médico que atendeu a família informou que a esposa de Percovich teve fratura na bacia; um dos filhos do casal – uma menina – sofreu traumatismo craniano, toráxico e abdominal e apresentou várias paradas cardíacas; o menino teve traumatismo craniano encefálico (TCE) grave, fratura de fêmur e trauma abdominal e o pai, o ex-goleiro e treinador do Sub-20 do Fluminense apresenta quadro de saúde melhor, mas que inspira cuidados.

A diretoria do Fluminense divulgou nota lamentando o acidente e informou que está dando apoio ao treinador e à sua família. O clube do Rio de Janeiro decretou luto por três dias.

Revelado pelo Peñarol do Uruguai, o goleiro Leo Percovich teve uma passagem pelo futebol brasileiro na década de 1990, atuando no Guarani de Campinas, Fluminense, Atlético Mineiro, Bangu e América de Natal-RN. O atleta defendeu ainda outros times do Uruguai, do Peru e da Argentina. Depois de encerrar a carreira como jogador, foi treinador de goleiros e assistente técnico em equipes de vários países, principalmente nos Estados Unidos, e recentemente voltou ao Brasil para trabalhar nas categorias de base do Fluminense.

   

O veículo derrubou o muro de proteção do viaduto e caiu de uma altura aproximada de 23 metros

   

O veículo onde viajava a família de Leo Percovich ficou destruído; o ex-goleiro (foto) dirigia o carro

Total Page Visits: 2006 - Today Page Visits: 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *