Vereador da cidade de Alto Rio Doce comete suicídio

José Maria de Paiva Lopes, conhecido como Zeca, era natural de Barbacena

O vereador José Maria de Paiva Lopes (foto), de 32 anos, mais conhecido como Zeca, da cidade de Alto Rio Doce, município distante cerca de 60 quilômetros de Barbacena, cometeu suicídio na manhã desta terça-feira, 13.

De acordo com informações passadas ao Portal Cidade de Barbacena, o vereador se matou na janela do banheiro da casa dele, usando um cinto amarrado no pescoço. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) chegou a socorrê-lo, mas ele morreu ao dar entrada no hospital de Alto Rio Doce.

Zeca era natural de Barbacena e faria 33 anos no próximo dia 21. Ele foi eleito vereador em Alto Rio Doce pelo antigo PMDB, hoje MDB, nas eleições de 2016. Além de vereador, Zeca possuía um comércio naquela cidade.

Ainda não se sabe o motivo que levou o político a atentar contra a própria vida. O Portal CB entrou em contato com a Câmara Municipal de Alto Rio Doce, que informou que o velório do vereador será na própria Câmara e o sepultamento deverá ocorrer na manhã desta quarta-feira, 14.

Total Page Visits: 5743 - Today Page Visits: 3

3 comentários em “Vereador da cidade de Alto Rio Doce comete suicídio

  • 14/08/2019 - 13:51 em 13:51
    Permalink

    Assim como outros veiculos de comunicacao fazem, com muito louvor, e proibir a divulgacao de reportagem como essas, por varios motivos. Nao acrecenta em nada, alem de incentivar outras pessoas a seguir mesmo caminho. Parabens ao jornalistas que nao usam isso tipo de reportagem em seus veiculos de comunicacao

    Resposta
    • 15/08/2019 - 11:39 em 11:39
      Permalink

      Caro Fabrício, o caso só foi publicado por se tratar de um vereador, ou seja, uma pessoa pública. Quando acontece algo com pessoas públicas, como políticos, o fato se torna notícia. Portanto, se ele não fosse um vereador a matéria não teria sido feita.
      O Portal CB não tem a intenção de prejudicar ninguém. No entanto, as notícias só existem porque acontecem fatos.
      A Redação.

      Resposta
  • 02/03/2020 - 13:53 em 13:53
    Permalink

    Olá aqui é a Vanessa Souza , eu gostei muito do seu artigo seu conteúdo vem me ajudando bastante, muito obrigada.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *